Quer estar informado das últimas actualizações? Subscreva já o serviço de alertas gratuitos. MSN Alerts

2006-02-02

Chelsea, Juventus e O.Lyon


Após a escolha da equipa da primeira volta do campeonato Português, pensei ser também interessante a escolha de um onze fantástico de 2005, internacional com proeminência no futebol Europeu, afinal aquele que é mais visto e apetecível. Sendo a Liga dos Campeões uma montra inigualáve a nível de Clubes, e um sonho de L.F.V. e camarada Veiga, apresento em primeira mão a minha equipa para ganhar a Liga dos Campeões:

Petr Cech, Cicinho, John Terry, Nesta e Roberto Carlos; Juninho Pernambucano, Frank Lampard, Ronaldinho Gaúcho e Pavel Nedved; Z. Ibraimovic e Samuel Eto'o.
Outros Jogadores: Dida, R.Carvalho, Makalele, Kaka, Deco, Shevchenko e Fred.
Treinador: The Special One e Fabio Capello

Com esta defesa e este meio-campo os avançados até poderiam ficar ao vosso critério já que o volume de jogo produzido a partir de trás e a segurança defensiva que demonstram estes jogadores, praticamente secundarizam a escolha dos dianteiros.

Para este ano, a minha escolha para o vencedor da Campions reduzem-se a três equipas:
Chelsea- mais palavras para quê?
Juventus- máquina que mistura bem a qualidade técnica do conjunto com a habitual matreirice italiana. Recheada de jogadores primorosos e que fazem do controlo da bola a arma defensiva por excelência, impedindo o adversário de atacar e comandadas por um treinador espectacular que não é o mais mediático da Europa devido á bombástica carreira de José.
O.Lyon- a minha semi-surpresa para ganhar a edição deste ano. Colectivamente tão fortes como Chelsea mas com um caudal ofensivo capaz de enervar qualquer equipa italiana. Os seus ataques rápidos, furtivos e mortíferos destroem mentalmente uma equipa que pense em abrir o jogo para marcar um golo.

Porquê a imagem do Juninho Pernambucano? Para relembrar àqueles comentadores do futebol Português, que desgraça!!, que um médio é tão importante a destruir jogo e recuperar bolas como a marcar o ritmo da equipa, fazendo a circulação de bola, variando passes longos e curtos com a mesma eficácia e mais importante ainda resolvendo jogos a marcar golos.
Como muitas vezes se esquecem do Pernambucano, aqui fica a dica para verem os livres decisivos marcados pelo Juninho.
 Posted by Picasa


1 Comments:

At 6:24 da manhã, Blogger capeladodesterro said...

Premonitórias as tuas palavras! No final do jogo do Lyon, o treinador Houlier, desfez-se em elogios a Juninho: "É uma estrela"! Quem não concorda?

 

Enviar um comentário

<< Home


Powered by Blogger

Contacto: purocatenaccio@gmail.com